Iniciando mais uma semana, abordamos o tema do Transporte hospitalar com Anvisa por ser algo tão importante no setor saúde.

O Transporte hospitalar com Anvisa começou a desenvolver-se fortemente há cerca de 15 anos. Este desenvolvimento foi originado principalmente pela necessidade de bons fornecedores.

Mas o que queremos dizer com bons fornecedores, finalmente?

Em resumo, podemos dizer que bons fornecedores são aqueles que cumprem Boas Práticas de Transporte.

Mas, enfim, o que são as Boas Práticas de Transporte?

Bem, vamos falar de Boas Práticas para o Transporte hospitalar com Anvisa !

 

Que tal abreviar o assunto?

Leia aqui o nosso artigo que fala sobre as Boas Práticas.

Ainda melhor: Procure em nosso BLOG sobre Boas Práticas ou outro tema que quiser abordar ou ler.

 

Transporte hospitalar com Anvisa

De modo um tanto quanto simples, falar de transporte remete aos veículos, carros, motocicletas e caminhões, certo?

Porém, o Transporte hospitalar com Anvisa é recheado de peculiaridades e especialidades.

Já dissemos antes que este é um dos modelos de transporte mais especializados. Querem saber por quê?

Vamos responder abaixo, mas já pararam para se fazer uma pergunta?

O que é mais importante, uma empresa especializada ou uma que faz um pouco de tudo?

Como funciona nos países mais desenvolvidos? Certamente, em se tratando de sua empresa, você deseja o melhor, não é mesmo?

Pense nisso!

 

Vamos retomar dizendo que o ambiente hospitalar é tão complexo que esta complexidade se reflete no transporte.

Vamos destrinchar um hospital em partes ou setores?

Setor de exames: Equipamentos de diagnóstico;

Setor de internação: Equipamentos de monitoramento, camas, hotelaria, mobiliário, acessórios médicos;

O corpo de profissionais: Equipamentos, mobiliário, vestuário e acessórios individuais;

A Farmácia: Com medicamentos, kit’s, acessórios, descartáveis, insumos, implantes, fios de sutura?

O ambiente de limpeza: Saneantes, produtos de limpeza, acessórios e equipamentos?

E os outros setores, como o de alimentação, o atendimento, a manutenção?

 

Anvisa

A Anvisa, por sua vez, não determinou que o ambiente hospitalar contrate uma transportadora.

Porém, ela determina, através de suas RDC’s, que os produtos hospitalares tenham atenção de empresa licenciadas pela Anvisa.

Ou seja, para o transporte de um fio de sutura ao equipamento de ressonância, há necessidade de licenciamento Anvisa.

 

Anvisa não é tudo

O tópico certamente cha a atenção e remete à frases de professores no primeiro ano de faculdade, quando dizem: Entrar na faculdade é fácil, o difícil é sair!

Com relação à Anvisa é a mesma coisa: Tirar a Licença Anvisa é até fácil (dentro de seu grau de complexidade). Difícil é manter-se com ela e atender ao cliente.

Uma empresa não especializada e sem experiência pode ter dinheiro, veículos e uma ótima estrutura. Pode até ter um vendedor que consiga convencer o cliente, mas o serviço não será bem feito.

Consequentemente, em algum ponto mais sensível a experiência fará diferença. E é neste ponto que você perde seu cliente ou comete erros que podem levar à consequências maiores.

 

Quem contrata?

São inúmeras as empresas que podem contratar uma empresa como a Pharlog.

Desde empresas de Home Care, clínicas, hospitais dia, como fornecedores de produtos hospitalares.

A Pharlog atualmente atende importadores, despachantes aduaneiros, comissárias de despachos e outros no setor aduaneiro.

Também hospitais, clínicas e hospitais dia.

Prestamos serviços a distribuidoras de produtos médicos e hospitalares, laboratórios de análises e fornecedores de cosméticos hospitalares.

 

Tipos de serviços para o setor hospitalar

Dentre os serviços mais comuns prestados pela Pharlog:

  • Transporte de equipamentos médicos e hospitalares, equipamentos para cozinhas e outros equipamentos para hospitais – com veículos adaptados, plataforma e munck;
  • Distribuição de equipamentos, insumos e produtos descartáveis;
  • Transferências entre hospitais, para centros cirúrgicos e cargas domésticas;
  • Alimentos, nutrição, gastronomia e seus equipamentos e mobiliário para cozinhas e muito mais;

Modalidades

  • Mão própria ou hotline – Urgente com portador especializado;
  • Veículos dedicados;
  • Distribuição;
  • Cargas domésticas;
  • Apoio logístico;
  • Aduaneiro – importação e exportação;
  • Entregas e transportes especializados;
  • Fracionado – Somente para apoio logístico;
  • Armazenagem – Materiais, insumos, mobiliário, propaganda, equipamentos, instrumentos, acessórios e muito mais.

 

Contato

Faça contato pelo formulário em nosso site, por e-mail, redes sociais ou através de um de nossos telefones.